Em 1975, a ONU começou a celebrar o dia 8 de março como o Dia Internacional da Mulher. Essa data foi escolhida por ser representativa em vários outros momentos históricos de lutas, principalmente econômicas e políticas, das mulheres nas primeiras décadas do século XX.

Quais são as lutas das mulheres atualmente? A resposta depende de questões de identidade tais como classe, raça, orientação sexual, localização (rural ou urbana) e a faixa etária. Um exemplo seria o das mulheres negras de baixa renda, com mais de 50 anos, que enfrentam mais barreiras com o acesso à saúde[1].

De qualquer forma, a maioria das mulheres sofrem algum tipo de desigualdade, seja de violência, renda ou representatividade.

Para o dia 8 de março de 2017 existem vários avanços para comemorar e lutas para se engajar. Segue abaixo uma lista de discussões, marchas e momentos artísticos em homenagem à data em São Paulo. Em ordem cronológica:

Discussões, Marchas, Momentos Artísticas

• (Seminário) A Mulher e as Lutas Pela Igualdade

11h às 13h30

Os temas abordados serão: “Mulheres nos tribunais superiores”, “Mulheres refugiadas”, “Mulheres no sistema prisional” e “Mulheres e ações afirmativas”.

Local: Auditório da Procuradoria Regional da República da 3ª Região
Avenida Brigadeiro Luís Antônio, 2020, 01318-002, República, São Paulo.

Link: https://www.facebook.com/events/1255326054559027/

• (Discussão) #Smashtheglass — Empoderando Mulheres pelo Empreendedorismo

13h às 15h

Discussão importante sobre os atuais desafios e conquistas da mulher no mercado de trabalho e do empreendedorismo.

Local: Pinacoteca
Praça da Luz, 2, 01120-010, Luz, São Paulo

**Inscrição: https://docs.google.com/forms/d/1jErWEORB5drj0F2zFjOmRpEJvQYs2pr-chZ6DD3ADXI/viewform?edit_requested=true

Link: https://www.facebook.com/events/135889163598273/

• (Música) Semana do DJ: Elas – Mulheres no Mercado

14hs às 22hs

Uma semana inteira de atividades voltadas ao universo da música eletrônica, com forte intercâmbio cultural, diversas participações e sorteios com tema especial para o dia da mulher.

Local: Espaço E-DJs
Rua Augusta, 792, 01304-001, Consolação, São Paulo

Link: http://e-djs.com.br/destaque/e-lab-4-semana-do-dj/

• (Manifestação) Aposentadoria Fica, Temer Sai!

15h (saída 17h) às 21h

Nesse 08 de março, as mulheres do mundo inteiro estarão nas ruas por seus direitos! Em São Paulo, não será diferente: Contra a Reforma da Previdência e Trabalhista; Contra a Violência Machista; Pela Legalização do Aborto.

Local: Praça da Sé.
São Paulo

Link: https://www.facebook.com/events/177977869360921/

• (Manifestação) 8M — Paralisação Internacional das Mulheres SP

16h às 20h

Setores espontâneos independentes e coletivos feministas se mobilizaram no Brasil para atender ao chamado de Angela Davis, Nancy Fraser e outras feministas para conformar uma Paralisação Internacional das Mulheres, o vulgo 8M.

Local: MASP
Avenida Paulista, 01310-100, São Paulo.

Link: https://www.facebook.com/events/1872567573029232/

• (Filme) Nós Carolinas

19h às 22h

Traz as vivências e vozes de quatro mulheres que moram em diferentes bairros e falam o que é ser mulher da periferia em cotidianos particulares, mas conectados pelo recorte de classe, raça e de gênero.

Local: Galeria Olido
Rua Dom José de Barros, 01038-000, Centro, São Paulo

Link: https://www.facebook.com/events/648659031987565/

• (Lançamento) Poesia Completa de Gilka Machado

19h às 21h

A primeira mulher a escrever poesia erótica no Brasil tem sua obra completa lançada pelo selo Demônio Negro.

Local: Casa das Rosas
Avenida Paulista, 37, 01311-000, São Paulo

Link: https://www.facebook.com/events/1277808628970337/

[1] http://www.scielo.br/pdf/sdeb/v37n99/a04v37n99.pdf